Centro Municipal de Dança


Centro Municipal de Dança da Secretaria Municipal da Cultura (SMC) articula as ações de dança de Porto Alegre, por meio da preservação da memória, do fomento à produção, formação de público, difusão e acesso às informações, atividades artístico-pedagógicas e constituição das relações com a produção em dança estadual, nacional, e internacional. O objetivo é valorizar os profissionais, promover a produção e o desenvolvimento da arte da dança, tornando-se um espaço de referência para a área na capital .


Bem Vindo!!!

18 de agosto de 2014

Abertas as inscrições para o curso Corpo-máquina




            O Centro de Dança, da Secretaria da Cultura de Porto Alegre, abre as inscrições para o Curso Teórico Corpo-máquina: participação do corpo em cem anos de arte multimídia, com a ministrante Maria Helena Bernardes, pesquisadora, artista visual e coordenadora do espaço Arena Cursos. São quatro dias de curso: 25 e 28 de agosto, 01 e 04 de setembro (segundas e quintas), das 18h às 20h. O curso é gratuito. As aulas acontecerão no Espaço Arena Cursos (Rua João Telles, 379-102).  Os interessados devem preencher e enviar a ficha abaixo  para tomazzoni@smc.prefpoa.com.br. Outras informações podem ser obtidas pelo fone 32898063 ou 32898124. As inscrições podem ser encaminhadas até dia 22 de agosto de 2014. O curso faz parte do projeto Escola Livre de Dança.

Nome:
Telefone:
Endereço eletrônico:
Endereço residencial:
Idade:
Porque tem interesse em participar do curso:



PROGRAMA DAS AULAS
Dias: 25/8, 28/8, 01/9 e 04/9

CORPO-MÁQUINA: participação do corpo em cem anos de arte multimídia

A denominada arte multimídia foi desbravada por poetas, artistas visuais, músicos, coreógrafos, cineastas e bailarinos engajados nas vanguardas modernistas do século XX. Em cem anos, vertentes como Futurismo, Dadá e Construtivismo; escolas como a Bauhaus, na Alemanha, e Black Moutain College, nos EUA; o advento da Semana de Arte Moderna de 22 e o Clube de Arte Moderna, em São Paulo; o experimentalismo do Instituto di Tella, em Buenos Aires, hoje marcos históricos da arte multimídia, contribuíram para a derrubada de fronteiras entre as artes e, em alguns casos, para a incorporação de recursos da eletrônica e informática às diferentes expressões artísticas.

O programa retraça a trajetória da arte multimídia no último século e os passos que conduziram a arte à pluralidade das manifestações contemporâneas.

Tópicos estudados:
- origens do happening multimídia no Modernismo
- participação da fotografia e do filme na Bauhaus 
- integração da dança, filme, literatura, música, teatro e artes visuais nos saraus dadaístas
- o cinema experimental do anos 30 e 40: uma expressão sem território
- Black Moutain College e Instituto di Tella: experimentalismo e tecnologia na arte das Américas
- para além da interdisciplinaridade e transdisciplinaridade: arte e vida no século 21.


Nenhum comentário:

Postar um comentário