Centro Municipal de Dança


Centro Municipal de Dança é um órgão da Secretaria Municipal da Cultura (SMC) da Prefeitura de Porto Alegre que articula as políticas públicas de dança na capital gaúcha. Atua na preservação da memória, no fomento à produção, na formação de público, difusão e acesso às informações da dança. Desenvolve atividades artístico-pedagógicas e promove relações com a produção em dança estadual, nacional, e internacional. O objetivo é valorizar os profissionais, promover a produção e o desenvolvimento da arte da dança, tornando-se um espaço de referência para a área na cidade de Porto Alegre.

1 de junho de 2020

Parabólica da Dança – Dicas semanais de dança para período de isolamento - Edição de 1º de Junho



O Centro de Dança da Secretaria Municipal da Cultura divulga hoje mais uma edição do Parabólica da Dança (1º de junho) uma ação de divulgação que reúne dicas semanais de cursos, aulas, lives e atividades virtuais de dança para fazer em casa, durante o período de isolamento social.


Os interessados em divulgar suas programações devem enviar as informações de sua atividade para o email dancasmc@gmail.com. O boletim é divulgado todas as segundas-feiras para o mailing, no blog e nas redes sociais do Centro de Dança.

Dicas da Semana – Edição 1º de Junho


Aulas on-line de Dança do Ventre


Organização/realização: Escola Harem
Projeto: Aulas on-line ao vivo, ou por envio de aulas gravadas. 
Os temas das aulas:
Técnica de quadril em solo de Derbak;
Técnica de chão da dança do ventre;
Aulas para iniciantes;
Oriental Clássico;
Sequências de movimentos em estilo Pop Árabe;
Combinações com véu.
Contato: WhatsApp (51) 9 8451-0851

Parmi - Espetáculo da Cia Jovem de Dança


Organização/realização: Companhia Jovem de Dança - Centro Municipal de Dança - Secretaria Municipal de Cultural - Prefeitura Municipal de Porto Alegre
Coreografia: Parmi (2016)
Parmi... (no meio de) é um espetáculo idealizado pela Cia Jovem de Dança. Foi criado entre vontades, dificuldades, incertezas e pode ser traduzido, segundo os jovens bailarinos, como “reflexo da própria vida, na qual muitas coisas estão encobertas e onde diferentes relacionamentos são estabelecidos”. Parmi  foi construído com muito trabalho e força de vontade, como a voz desses jovens bailarinos que muito tem a contar. No meio de tantos encontros prevaleceu o desejo e assumiu-se o risco, o jogo e o incerto como possibilidade de criar por meio da dança um espaço de trocas, olhares e afetos, no qual o espectador pode se colocar entre, participar do jogo, se deixar guiar, escolher lados ou se perder no movimento sem escolher lado algum. Equilíbrio, limite... angustias, encontros e relações.... Em Parmi há necessidade de ver com outros olhos, pois nem tudo se encontra às claras. Uma parte, grande, pequena ou insignificante, encontra-se encoberta. É necessário revelar a outra face... que face?
Ficha técnica:
Direção Artística: Fernanda Santos
Coreografia: Driko Oliveira

Oficina Virtual de Dança com Alessandro Rivellino


Organização/realização: Centro Municipal de Dança - Alessandro Rivelino
Oficina Virtual de Dança: aborda contato improvisação, dança contemporânea, Butoh, Educação Somática e Performance. Integrou a programação de Lançamento do Livro Escritos da Dança 2 organizado pelo Centro de Dança da Secretaria Municipal da Cultura. 

Performance A Ponte 


Produção: AMÓ Bem Viver - de Alessandro Rivellino, Mirella Rabaioli e Pascal Barten
A performance é sobre (des)encontros em tempos frágeis de crise e quarentena.

Vídeo - Composição coreográfica e seus saberes na formação de um corpo em dança


Organização/realização: Mímese Cia. de Dança-Coisa
Uma conversa sobre preceitos da composição coreográfica no 20° encontro da quarentena de "Degustação de Movimentos com o Mímese".


Festival on-line Todos pela Dança


Organização/realização: Festival Todos pela Dança
Projeto: Festival online com início em 29/05 até 21/06 de competição criativa com apresentações em Balé Clássico, Dança Contemporânea, Dança do Ventre, Estilo Livre, Jazz, Sapateado.
Acessem em: Instagram @festivaltodospeladanca | YouTube https://www.youtube.com/channel/UCBF3JVuMdKVX1zKSvyWnRUA


E-book Trocando, Movendo, Traduzindo: pensamentos sobre Dança e Deficiência


Organização/realização: UFRGS, Universidade de Coventry e British Council Brasil

Oficinas Dança Sem Fronteiras


Realização: Dança Sem Fronteiras
Projeto: Introdução ao trabalho da Cia. e o método DanceAbility - Poéticas da Diversidade
Acontecerão nos dias 5, 12, 19 e 26 de junho através da plataforma Zoom das 14h às 16h.
Informações no e-mail: poeticasdiversidade@gmail.com


RESPIRA Arte Online


Organização/realização: Rita Guerra
Projeto: "...uma proposta de ação coletiva que possa dar conta de reunir singularidades em torno de algo: sobreviver como artistas...um catalisador de artistas onde todos os segmentos são bem vindos: artes visuais, teatro, música e dança."

Livro: Dança na Cultura Digital de Ivani Santana


"É impossível pensar o ser humano contemporâneo se não imerso em um ambiente naturalmente híbrido: biológico e tecnológico em constante interação. É esse o convite que o trabalho de Ivani nos faz, observar o corpo dançando ao sabor da tecnologia, numa metáfora para essa relação."

2° [In]Festa Exposição Digital dos Isolados


Organização/realização: Grupo Criativo ManiFESTAntes
Projeto: "...criada para desenvolver uma aproximação entre artistas de diferentes expressões através de uma brincadeira que lembra muito o famigerado "Amigo Oculto"."
Acesse: Instagram @grupo_manifestantes

Cursos on-line do Circo Híbrido


Organização/Realização: Circo Híbrido
Projetos:
Dois novos Cursos EAD ao vivo: Tecido em Casa e Dança em Casa!
TECIDO EM CASA é uma aula com uma Preparação Física cuidados e completa, com exercícios de mobilidade, força, coordenação e flexibilidade, e um trabalho de Dança Aérea no Tecido preparado para espaços com altura reduzida, que visam o fortalecimento e a flexibilidade do corpo suspenso, aliado ao estudo de figuras, chaves, poses e sequências coreográficas. 
No DANÇA EM CASA a proposta é aliar criatividade aos cuidados com o corpo que dança. As aulas são compostas por um treino que visa o condicionamento físico (força,  mobilidade, coordenação e flexibilidade), a saúde mental (atenção, concentração, autoestima e interação social) e por fim, um momento dedicado aos processos criativos em dança. Tudo em casa, com muito cuidado, poesia e afeto! 
Contato: E-mail contato@circohibrido.com.br | Instagram @circohibrido | Site www.circohibrido.com.br | (51) 9 9163 - 3144

Projeto InspirAcões on-line


Organização/realização: Pulsare 
Projeto convida Luciana Hoppe para ministrar a Mini oficina Mover Pelos Fluidos no dia 06/06 (sábado) das 17h às 19h.
Contato: (11) 975274608 ou (11) 972425547 | Instagram @lucianacristinahoppe ou @pulsarepraticascorporais

Edital FAC Digital RS 


Organização/realização: SEDACRS, FEEVALE
A inscrição deverá ser realizada por meio de um formulário, disponível nas páginas www.procultura.rs.gov.br e www.feevale.br/facdigitalrs, das 10h do dia 8 de junho até as 10h do dia 18 de junho.


Live FAC Digital como participar?


Organização/realização: Colegiado Setorial de Dança RS
No dia 01/06 às 19h no Instagram do Colegiado de Dança.
Acesse em: Instagram @colegiadosetorialdedancars | https://instagram.com/colegiadosetorialdedancars?igshid=126evsnh32kku

Live experimental A Rebentação


Organização/realização: Paula Finn e Paola Kirst
O último final de semana de maio marcaria a estreia d’A Rebentação num teatro. Para marcar essa data Paula Finn e Paola Kirst se aventuraram em uma live experimental, trazendo a proposta do encontro para dentro da casa de cada um.
As marés, o fluxo e as ondas são o material físico para um corpo móvel e sonoro. A maleabilidade da água também marca a quebra de barreiras entre as áreas de atuação das artistas. A dupla utiliza criações sonoras experimentais e músicas do álbum “Costuras que me Bordam Marcas na Pele”, de Paola.
O trabalho começou num encontro para o projeto “Palco Parangolé” e se desdobrou a partir do convite do Centro Cultural da UFRGS dentro do projeto “Cenas Mínimas”. A partir do diálogo, as artistas descobriram uma afinidade na maneira de pensar e criar música e movimento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário