Centro Municipal de Dança


Centro Municipal de Dança da Secretaria Municipal da Cultura (SMC) articula as ações de dança de Porto Alegre, por meio da preservação da memória, do fomento à produção, formação de público, difusão e acesso às informações, atividades artístico-pedagógicas e constituição das relações com a produção em dança estadual, nacional, e internacional. O objetivo é valorizar os profissionais, promover a produção e o desenvolvimento da arte da dança, tornando-se um espaço de referência para a área na capital .


Bem Vindo!!!

20 de maio de 2011

Final de semana do Festival Dançapontocom traz Performances, espetáculos, festa e produção para o público infantil







No final de semana a programação do Festival Internacional Dançapontocom, oferece inusitadas performances, espetáculos inéditos na cidade e uma produção exclusiva para o público infantil. No sábado, a partir das 19h, será a vez do público conferir a palestra Arte e Experiência com professora e artista plástica Maria Helena Bernardes, seguida de nove performances simultâneas por diferentes espaços do Centro Municipal de Cultura (Av. Erico Veríssimo, 307). No domingo, será apresentado o espetáculo infantil Faz de conta que, com o Grupo Experimental da Cidade, às 16 horas, no Teatro Renascença. Ás 19h, será apresentado programa duplo comemorando os 20 anos da Cia Gestus (SP), na Sala Álvaro Moreyra. Toda programação tem entrada franca.

Performances, Happenings, atividades ou outras Experiências (In)Nomináveis reúne 9 performances criadas a partir da perspectiva de valorizar a percepção da experiência, do instante, das interações. Jardim, estacionamento, palco, bilheterias, camarins, mesas de bar, calçadas são palco para o público ser convidado a observar, perceber, interagir. Entre as performances está Madeleine – paladar e memória, no qual o público é convidado a provar diferentes sabores e deixar registrado o que ele provocam em sua memória. Em Bambolódromo, diversos jogos e brincadeiras estabelecem o espaço para que o público permita retornar à infância. Além da participação dos alunos do Grupo Experimental de Dança, integram também a programação a performance O que eu não posso dizer, de Elcio Rossini e Suzi Weber, com Maurício Casiraghi e convidados; e Tu escapularás, com Luciana Paludo. “A idéia é de deixar os espaços se abrirem ao encontro e à partilha do sensível.”, destaca o curador Airton Tomazzoni.

Às 22 horas de sábado é a vez da festa Footlosers, que acontece no saguão do Centro Municipal de Cultura, com DJs Marcinhò Zola e Zu.





Faz de conta que é a primeira montagem para o público infantil produzida pelo Grupo Experimental de Dança da Cidade, de Porto Alegre. O espetáculo parte do dilema de um grupo de bailarinos sobre como criar dança para crianças. Questionando clichês e inventando caminhos, o grupo de bailarinos acaba enfrentando os desafios de fazer a imaginação dançar. Com humor e poesia, Faz de conta que constrói um território para brincar com coreografias e imagens. Direção e concepção coreográfica: Airton Tomazzoni

Viral, do coreógrafo Mario Nascimento, aborda processos mnemônicos – aqueles que auxiliam na memorização. Microdanças que se desfazem… solo com a bailarina e diretora Gilsamara Moura. Inspirado na obra “O olho e o cérebro – Biofilosofia da percepção visual” de Philippe Meyer

O Festival Dançapontocom é uma realização do Centro Municipal de Dança, da Prefeitura de Porto Alegre. A programação completa pode ser conferida em http://dancapontocom.wordpress.com/. As atividades do Festival encerram-se no domingo dia 22 e têm entrada franca. Outras informações podem ser obtidas pelo fone 32898063.

Nenhum comentário:

Postar um comentário