Centro Municipal de Dança


Centro Municipal de Dança da Secretaria Municipal da Cultura (SMC) articula as ações de dança de Porto Alegre, por meio da preservação da memória, do fomento à produção, formação de público, difusão e acesso às informações, atividades artístico-pedagógicas e constituição das relações com a produção em dança estadual, nacional, e internacional. O objetivo é valorizar os profissionais, promover a produção e o desenvolvimento da arte da dança, tornando-se um espaço de referência para a área na capital .


Bem Vindo!!!

24 de novembro de 2010

V Encontro de Arte de Matriz Africana

V ENCONTO DE ARTE DE MATRIZ AFRICANA


Panorama de Arte Negra

De 6 a 12 de dezembro de 2010



O ator Rodrigo dos Santos (o Noronha, da novela “Passione”, da TV Globo) é uma das presenças confirmadas no V ENCONTRO DE ARTE DE MATRIZ AFRICANA, que se realizará em diversos teatros de Porto Alegre, entre os dias 6 e 12 de dezembro próximo. Rodrigo é atração do espetáculo “Orirê – Saga de um herói que confrontou a morte”, um dos espetáculos que integram a programação do evento. A peça conta a história de um homem, desde a sua construção, do barro, ainda antes de nascer. Ao atingir a idade adulta ele decide partir para o mundo no intuito de conhecer outras culturas e povos.

Organizado pelo Caixa-Preta, o Encontro de Arte de Matriz Africana é uma celebração à brasilidade, marcada pela afirmação das múltiplas identidades populares e das tendências contemporâneas de companhias de teatro e dança negras no Brasil. Visa a promover uma aproximação entre as diversas modalidades artísticas de matriz africana: teatro, dança, artes plásticas e cinema do Rio Grande do Sul e do Brasil, possibilitando a troca de experiências, pesquisas estéticas e conhecimentos, ocupando espaços tradicionais dedicados as artes cênicas. Desde sua primeira edição, o Encontro tem a curadoria de Jessé Oliveira, diretor do Grupo Caixa-Preta, responsável pela concepção e coordenação do evento.

O Encontro de Arte de Matriz Africana, realizado ininterruptamente desde 2006, tem se firmado no calendário cultural da cidade de Porto Alegre, trazendo uma reflexão sobre o momento atual da arte negra e da diversidade cultural brasileira. Este ano, o Encontro foi contemplado com o Prêmio FUNARTE Festivais de Artes Cênicas.

Além de Orirê, nesta edição estarão presentes os seguintes espetáculos: Os Sete Ventos (09), O Cheiro da Feijoada (12), do Rio de Janeiro; Ponto Riscado (11), de Belo Horizonte; Negro de Estimação (08), de Recife; O Samba do Crioulo Doido (09), de São Paulo, junto aos espetáculos gaúchos Chão (10), Dois Nós na Noite (12), E Se África (11), Minas de Conceição Evaristo (10), Negrinho do Pastoreio (11) e performances circenses com Eder e Débora Rodrigues (9, 10 e 11). Também serão realizadas oficinas com Gil Amâncio (BH), Carmen Luz (RJ) e Edson Cardoso (DF) e debates com Julio Moracen (Cuba), Ângelo Flávio e Evani Tavares (Salvador), Cuti e Maria Gal (SP), Cidinha da Silva (RJ), Wagner Carvalho (Berlin), e Cristiane Sobral (DF).

Ainda está prevista a estréia de Dois Nós na Noite, de Cuti, com o Grupo Caixa-Preta, interpretação de Adriana Rodrigues e participação especial de Márcio Oliveira e direção de Jessé Oliveira. Durante o Encontro será lançada a Revista Matriz, dedicada às artes de performance afro-brasileiras com artigos e ensaios dos mais importes investigadores da arte negra contemporânea.

Todas as atividades artísticas são gratuitas para o público nos seguintes locais: Teatro de Arena, Teatro Renascença, Sala Álvaro Moreyra e Teatro de Câmara Túlio Piva.


OFICINAS

Outra novidade: já estão abertas as inscrições para as oficinas do V Encontro de Arte de Matriz Africana. Serão duas as ofertas: uma de Trilha Sonora, coordenada pelo músico, ator, educador e diretor artístico Gil Amâncio (dias 08 e 09 de dezembro, no CMC) e uma de dança com a bailarina e coreógrafa Carmem Luz (dias 09 e 10 de dezembro, Sala Álvaro Moreyra). Serão disponibilizadas 20 vagas por oficina. Os interessados devem remeter inscrição com currículo para o e-mail http://www.iagentemail.com.br/IMI-click2.php?idc=1800916&ida=17619&idl=87466&em=dG9tYXp6b25pQHNtYy5wcmVmcG9hLmNvbS5icg==


Ficha Técnica
Realização: Grupo Caixa-Preta e Associação dos Amigos do Teatro de Arena
Financiamento: FUNARTE
Parcerias: Associação dos Amigos do Teatro de Arena - Teatro de Arena - CAC – Coord. de Artes Cênicas / Secretaria Municipal da Cultura Porto Alegre - Xirê – Jogodedança - Africanamente
Coprodução: Yahya Produções Artísticas
Coordenação geral e curadoria: Jessé Oliveira
Coordenação de produção: Nina Fola
Coordenação dos debates: Vera Lopes
Coordenação de recepção: Josiane Acosta
Logística de espaços: Adriana Rodrigues
Organização de oficinas e palcos: Robson Duarte
Técnica: Miguel Tamarajó (Jacka) - Paulo Rodriguez
Assessoria de Imprensa: Silvia Abreu

Contatos com a produção: (51) 9993.2445 (Nina) ou 8405.7964 (Jessé)

http://artematrizafricana.blogspot.com
http://grupocaixa-preta.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário